top of page
  • Foto do escritorClube FM

Damon Albarn afirma ser hora de "encerrar" o Blur novamente: "É demais para mim"

"Não estou dizendo que não farei novamente, foi um belo sucesso, mas não estou me fixando no passado"



foto: Flickr/Lola's Big Adventure!


Damon Albarn compartilhou que o Blur entrará em hiato por tempo indeterminado, com o vocalista afirmando que "é demais para mim".


A banda, composta por Albarn, o guitarrista Graham Coxon, o baixista Alex James e o baterista Dave Rowntree, se reuniu após um hiato de oito anos e lançou seu nono álbum de estúdio, "The Ballad Of Darren", no início deste ano. No mês passado, eles fizeram seus últimos shows agendados juntos na América do Sul.


Em uma nova entrevista à publicação francesa Les Inrockuptibles (via Far Out Magazine), Albarn revelou que a banda entrará novamente em pausa por tempo indeterminado. "É hora de encerrar esta campanha", disse ele. "É demais para mim. Foi a coisa certa a fazer e uma honra imensa tocar essas músicas novamente, passar tempo com esses caras, fazer um álbum, blá-blá-blá."


Ele continuou: "Não estou dizendo que não farei novamente, foi um belo sucesso, mas não estou me fixando no passado."


Quanto ao que o futuro reserva para ele, Albarn compartilhou que estará trabalhando em uma "ópera que será apresentada em Paris no próximo ano", além de se reunir com Jamie Hewlett na Índia para "começar a trabalhar em um novo álbum do Gorillaz".


Albarn não é o único membro do Blur que passará o próximo ano ocupado com seus projetos paralelos. Coxon sairá em turnê pelo Reino Unido com sua banda The Waeve, formada por ele e a ex-membro do Pipettes, agora colaboradora de Mark Ronson e cantora-compositora Rose Elinor Dougall, como ato de abertura para o Elbow.


Em uma resenha de quatro estrelas do álbum "The Ballad Of Darren" do Blur, a NME compartilhou: "Ao contrário de muitos de seus contemporâneos, nunca houve uma atemporalidade em um álbum do Blur - isso é algo bom. Quando você ouve 'Modern Life Is Rubbish' agora, pode sentir desdém pela cultura que os cercava, ou a confusão crua da desilusão amorosa em '13' de 1999; eles têm uma maneira de transportá-lo para um momento ou emoção específicos."



- Via NME




CLUBE 885. Muito mais que rádio!

13 visualizações0 comentário
bottom of page